Direção

 

Prof. Doutor Mário Raposo
Prof. Doutor Mário Raposo

A globalização dos mercados, a consolidação da economia do conhecimento, o aumento da concorrência, a complexidade e a rapidez com que se produzem as mudanças tecnológicas, tornam cada vez mais importante o assumir de uma atitude estratégica no sentido de potenciar as relações de cooperação entre as universidades e as empresas.

A universidade, instituição dedicada à criação, desenvolvimento e transmissão de conhecimento, é agora chamada a complementar a sua função tradicional de ensino e investigação, com um papel mais ativo com o setor empresarial, através da criação de estruturas de interface, com o propósito de:

          • Facilitar a sua participação em inciativas empresariais;
          • Desenvolver projetos de cooperação com as empresas;
          • Estimular os spin offs académicos;
          • Criar espaços para incubação de empresas;
          • Participar em parques de ciência e tecnologia;

Tudo isto configura a essência da denominada “universidade empreendedora”, abrindo as portas a novas fontes de financiamento, à melhoria da imagem da universidade e a permitir de forma mais eficaz, a verificação e validação dos resultados da investigação cientifica.

Para as empresas, a cooperação com as universidades, permite ampliar a sua competitividade e capacidade inovadora, através do aproveitamento da tecnologia e do conhecimento obtido na investigação, resultando num desenvolvimento contínuo de novos produtos e processos, com maior valor para o mercado.

O Centro de Formação Interação UBI Tecido Empresarial (CFIUTE), é uma estrutura de interface com as empresas, onde se promove a realização de vários cursos de formação versando várias temáticas da atualidade, de interesse para as empresas e para a comunidade. Pretende-se que os formandos adquiram as competências necessárias, para atuar como elementos de mudança na sua vida pessoal e profissional, contribuindo simultaneamente para a melhoria global do seu desempenho e para uma maior produtividade das empresas.

É nossa convicção que os nossos intentos irão ser devidamente compreendidos e assimilados por empresas, formandos e formadores.

Bom trabalho a todos.